Peguei minha mulher com um funcionário. Posso demitir ele por justa causa?

Peguei minha mulher com um funcionário. Posso demitir ele por justa causa?

Caro Urso, parabéns pelo novo formato, tenho uma dúvida e preciso da sua ajuda.  Trabalho com T.I. 14 horas por dia, minha mulher trabalha comigo em outra seção. Estamos juntos há 3 anos, ela é bem mais nova que eu. O problema é que um dia desses eu voltei de uma viagem mais cedo e ouvi uns barulhos estranhos na sala dela, que estava trancada. Acho que eu já sabia o que estava acontecendo então fiquei sem reação e fui embora. Depois, assistindo os vídeos de segurança dos dias que fiquei fora percebi que a filha da puta recebia um determinado funcionário todos os dias na sala dela. O que faço agora, demito o cara por justa causa, largo da mulher, aceito o chifre ou mando tudo para o inferno? Sou teu fã, Daniel S.

Olá Daniel, quero te dizer uma coisa para lhe dar tempo de nem ler o restante da resposta: não é me elogiando que você deixará de ser corno ou aliviará a patada que merece.

Fico perplexo com algumas perguntas que recebo, essa não é uma exceção. O sujeito descobre que a mulher tá botando enfeite na testa e tem a calma do Dalai Lama para não arrombar a porta, botar todo mundo para correr e tacar fogo no escritório. Porra, se fosse comigo a galera iria ver uma versão de Nero 2011.

Não é questão de machismo ou feminismo, é pelo “babaquismo” mesmo! Na escala de babaquice a mulher bateu todos os recordes ao cornear o sujeito na empresa dele, em horário de trabalho e com um funcionário.

Traição não é fácil, de nenhum tipo, mas com essas características me admira muito não ter dado uma merda muito grande. Já pensou se o chifrudo está num dia ruim? Crime passional na certa. Se a adúltera é pega num dia em que o corno perdeu a principal conta da empresa é capaz de ser assassinada com uma colher!

Infidelidade é quando a mulher pula a cerca com outro sujeito que não tem vínculo com o corno, num lugar que ninguém fica sabendo e sem que a galera faça festa ao saber da condição do maridão.

O que aconteceu é fora de propósito, é como o sujeito comer a cunhada, a prima ou sobrinha da mulher. Sogra não. Sogra pode! Se o cara quer se ferrar, problema é dele! Com uma versão mais nova e que não te odeia, o que fazer com o modelo antigo? Ele que se exploda!

Vida de empresário nesse país é uma merda mesmo, o sujeito se fode com os impostos, com o governo, com a concorrência, com as leis trabalhistas e ainda vem um funcionário terminar de ferrar com a vida do cara. Para quê? O cara já está na lama, trabalhando 14 horas por dia!

Sabe o que é pior? Você deve ter se culpado, senti isso quando li o trecho da carga horária. Parece que está tentando isentar a mulher pelo chifre que lhe colocou.

Sei muito bem que quem não presta assistência abre concorrência, mas o que critico aqui é a falta de caráter da fulana em lhe expor. Não convivo na cama dos dois para saber se o teu chifre é merecido ou não, pode até ser que seja, mas dessa forma é grotesco demais. Falta de atenção não é um pecado tão capital a ponto de fazer um massacre na dignidade de um homem ser considerado justo.

Aproveitei que há muita gente na fanpage do blog e fiz uma pesquisa sobre a possibilidade de mandar o sujeito embora por justa causa. A primeira vez que li isso parecia até um daqueles caras que tentam enganar o seguro e mandam queimar depósito, mas antes tiram todas as mercadorias.

Sério mesmo, fiquei pensando “será que esse cara mandou a mulher seduzir um funcionário só para não pagar imposto?”. Porque se for isso, que Deus tenha piedade da sua alma. O governo sacaneia a gente, mas nem tanto assim! Carregar o peso do mundo na cabeça por conta de dinheiro? Tudo bem que aí poderia não ser considerado traição…

Voltando ao caso da demissão por justa causa, alguns advogados opinaram (Fabiana Carlini, Joviano Lopes e Tânia Jorge) e todos concordaram que a demissão por justa causa seria possível. O que fiquei perplexo foi a justificativa que deram. Segundo as leis trabalhistas, o fato da relação sexual ter sido no trabalho é motivo sim, mas a quebra de confiança na relação do chefe com o sujeito não seria algo muito problemático.

Ah, tá! Que legal! O cara come a tua mulher e você só pode mandar ele embora porque foi na empresa? Acho que a justiça anda meio cega, o sujeito aproveitou da confiança do chefe para furar os olhos do cidadão. Em minha opinião, isso sim é mais grave do que o local, mas entendo que a lei não enxerga a safadeza oculta na alma das pessoas, até porque, se enxergasse iria faltar cadeia.

Agora tive um momento de riso, fiquei imaginando você explicando a história diante do juiz na audiência trabalhista… Foi mal, não consegui me conter!

Demitir o sujeito é uma opção, mas pense se ele não é melhor como funcionário do que a sua mulher é como esposa. Pensando bem, foda-se. Manda o cara embora, você não vai conseguir andar de cabeça erguida na empresa com o cara lá.  Virará motivo de chacota do restante dos funcionários se não tomar uma posição. Traídos todos podemos ser, cornos só os que aceitam os chifres!

Não gosto muito de falar o que alguém deve fazer, mas esse é um caso muito raro, então, além de botar o Ricardão na rua, também separaria da “Dama do Lotação” versão corporativa.

A pior coisa que você pode fazer com um sujeito que leva a tua mulher é deixá-lo ficar com ela.

Se mesmo assim você resolver ficar com a moça tenho algumas ideias:

Swing

Acho que já que a putaria vai ser institucionalizada, seria bom ter algo a ganhar com isso, portanto virar frequentador de casa de swing é uma opção moderninha para não ser tachado de corno.

Prostituição

Monte um blog para ela relatar as experiências e dar notas pelo desempenho dos funcionários. Com o tempo, se ela mandar bem poderá ser uma espécie de Bruna Surfistinha, sei lá, algo como Lurdes Operária. Agora se ela for um canhão corre o risco de sua folha de pagamento aumentar por conta do percentual de insalubridade que pagará aos funcionários.

Vídeos amadores

Outra saída seria instalar câmeras na sala dela, sem falar nada e vender acesso para um site com vídeos amadores. Pode funcionar bem. Se não der certo você e ela aparecerão em programas como o Superpop dizendo que o computador foi roubado.

Clube do corno.com.vc

Já pensou em um clube seleto só para cornos relatarem suas experiências? Seria o máximo para a galera que curte lustrar o chifre ter um lugar para serem compreendidos.

Corno assumido por pergunteaourso

Funcionário do mês

A fama de patrão austero já desceu a ladeira mesmo. Ficar com a mulher não ajudou a sua moral. Sendo assim, o que é um passinho para trás para quem está de quatro? Presenteie o funcionário do mês com uma visita ao cantinho da mulher do chefe. O cara que for premiado três meses consecutivos terá direito a usar a sua cama.

Bom, desculpe o texto longo, mas eu bem que te avise para não ler. Opa! Estava esquecendo a educação, iria te mandar um abraço do urso, mas lembrei que o senhor já está ganhando um… Então é isso aí, até mais!

Conheça o novo blog do autor do Pergunte ao Urso

O Pergunte ao Urso não está mais sendo atualizado, mas seu autor começou outro blog que mistura crônicas com músicas brasileiras (MPB e Bossa Nova). O projeto leva o nome de "Naquela Mesa". Clique e conheça!

Comentários

comentários



Leia também


Leitora quer transformar pato em boi! Com tanto corno no mundo as ações da fidelidade estão despencando!
Seta para baixo destruindo o "chão"Ela é casada e tem dois filhos, seu marido foi seu primeiro e único homem. E agora ela quer exprementar outro! É trair ou separar ou ambos! Leia mais

Acreditar ou não, eis a questão? Quando ser feliz parece mais difícil do que ter razão… Imperdível!
Homem encostado em uma paredeEle descobriu que sua mulher está jantando com o ex-namorado dela. Ela disse que foi só para contar que está feliz, acredita ou não? Leia mais

“Minha mulher recebeu 14 presentes do chefe em 2 meses, será que sou corno?”
corno_430Com toda sinceridade, recomendo não ler essa resposta. As evidências sobre a traição com o chefe no relacionamento me fizeram pegar pesado Leia mais

Comentários

Powered by Facebook Comments

Se cadastre para receber as atualizações por e-mail

* indicates required



/

( dd / mm )


Sexo e relacionamento – Frequência dos e-mails

Carreira e cotidiano – Frequência dos e-mails

Comportamento – Frequência dos e-mails

Educação e saúde – Frequência dos e-mails

Política e religião – Frequência dos e-mails

Comunicados oficiais – Frequência dos e-mails

Presença Online – Frequência dos e-mails


Comentários

comentários