Mais um vídeo amador que cai na net: nova Mulher Melancia

Mais um vídeo amador que cai na net: nova Mulher Melancia

Ursinho, meu teto desabou! Não sei nem como começar… Indo direto ao ponto, vazou na net um filme meu fazendo sexo e nem sei mais o que fazer. Moro em Curitiba e todo mundo ficou sabendo, apaguei meu perfil no Orkut, tirei minhas fotos do ar, mas não adiantou. E o pior é que eu estava namorando, mas ele não aceitou. Você que é um especialista de web pode me dar uma opinião se vale a pena ganhar dinheiro com isso ou é melhor eu esquecer tudo e mudar de cidade? Gi

Ahá! Eu sei o que você fez no verão passado, cara leitora!  Eu já vi o vídeo amador (sextape) que você fez e não levei muitos minutos para sacar a história toda, em menos de cinco já dava para saber até o seu celular…  A história não é bem como a senhorita conta, pelo menos, não parece nem um pouco. Antes de tudo, não foi um vídeo caseiro convencional que “vazou” na internet, no que eu assisti, você estava com nada menos do que três caras no rala e rola e ainda tinha mais um filmando enquanto o sexo acontecia. É a nova mulher melancia, tem que chamar mais gente para dividir.

Uma coisa é você ter feito uma filmagem com seu namorado/amante/amigo/marido para deleite próprio e ter suas imagens exibidas após algum descuido, outra é você estar na maior putaria com uma galera, com neguinho tirando sarro enquanto você faz a alegria da moçada. Na primeira situação é um caso de ingenuidade, mas a segunda é sem vergonhice mesmo.

Vai, bando de feminista, grita aí que se fosse ao contrário, um cara com três garotas, eu estaria aqui chamando o cara de garanhão! Eu não me importo. Só tenho a dizer uma coisa para vocês: erraram feio! Se a situação fosse inversa eu também falaria que o cara é sem vergonha, a diferença é que ele não iria dar a mínima para isso. Talvez até ficasse feliz.

Que se fique claro, sem vergonhice não é crime… É estilo de vida! O que condeno é o falso santo, aquele que usa uma máscara de moralidade para esconder a sordidez de seu comportamento.

Uma vez na internet…

Cara Gi, preciso te dizer uma coisa… A internet não esquece! Você pode mudar de cidade, de nome, de profissão, de postura, mas em algum momento, um moleque com a mão calejada de tanto se masturbar apontará o dedo e falará que te viu dando para três caras. Pode até ser que você esqueça o que aconteceu, mas o restante não esquece.

Eu entenderia se fosse apenas uma fantasia que você teve o prazer, muito prazer por sinal, em realizar. Contudo, ao assistir o filme com mais cuidado, me deparo com a voz do rapaz que filmava dizendo “Gisele, eu não tô vendo nada por enquanto… Eu não vou pagar para isso, isso eu faço sozinho. Eu quero ação!” enquanto estava a senhorita com a mão naquilo de um outro rapaz.

Prostituição ou ingenuidade

Aí já é demais… Não sei se entendi bem, mas a galera estava alugando você, no sentido literal. Eu não tenho nada contra a prostituição, acho que cada um faz do corpo o que bem entender, é seu direito, mas não dá para vir bancar a mocinha virgem depois. Não aqui no P.a.U., a cada ano que passa eu fico mais velho e não mais burro.

Sobre a prostituição, só tenho mais algo a dizer, quenga mesmo é a que cobra vinte reais para deitar-se com alguém. Essa sim, é uma coitada, fatalmente não consegue fazer mais nada na vida e se faz isso é para sobrevivência, porém uma garota que cobra mais de duzentos reais é porque não quer trabalhar mesmo, quer luxo na moleza ou na dureza, dependendo do ponto de vista.

Fora as histórias corriqueiras… Toda puta tem um filho cujo pai sumiu (não chama Júnior), uma vó/tia/mãe que precisa de remédios, foi para a putaria porque iria ser despejada ou está juntando dinheiro para pagar a faculdade. Só gente boa. Sem contar que todas começaram naquela semana

O governo tem que cuidar dessas pessoas, reforma já! Creche para os filhos das putas, remédios para os familiares, bolsa-aluguel para todas e faculdade de graça fariam que essas moças de família se endireitassem… Será? Até parece! Como falei lá em cima, sem vergonhice é estilo de vida, claro que existem exceções.

Voltando ao seu caso, se você está pensando em ganhar uma grana com isso, é sinal que já entrou no mundo da prostituição, só falta definir o preço! O ruim é que como o seu vídeo já tem três caras, se for fazer cinema pornô, para dar mais novidade aos espectadores, terá que se empenhar mais. Quem sabe oito na próxima vez? Bestialidades? Quádrupla penetração? Enfim, o futuro é um mistério para sua carreira promissora. Monica Matos, a rainha do anal e que já traçou, inclusive, um jegue, que se cuide. Gisele está na parada! Viva a Brasileirinhas, abaixo a hipocrisia!

Grande beijo do Urso, quer dizer, um aceno de longe, vai saber o que fez essa boca antes…

PS. Esse caso me lembrou aquele onde o tio pagava a sobrinha para masturbá-lo, já leu? Clique aqui e leia.

Conheça o novo blog do autor do Pergunte ao Urso

O Pergunte ao Urso não está mais sendo atualizado, mas seu autor começou outro blog que mistura crônicas com músicas brasileiras (MPB e Bossa Nova). O projeto leva o nome de "Naquela Mesa". Clique e conheça!

Comentários

comentários



Leia também


Era só o que faltava no P.a.U., leitor querendo tomar o próprio leite paterno!
Café, banana e cerealEle quer saber se engolir o próprio sêmen tem problema. Biologicamente ou nutricionalmente não tem, mas que é estranho no mínimo, é! Leia mais

O vagabundo suicida não quer sair da sua casa? Guerra é guerra, não dê moleza para o quase marido!
Homem com dedo na bocaO cara come, bebe todas, sai com amigos e é um completo folgado, leitora não sabe o que fazer para expulsá-lo. Urso dá dicas para se livrar! Leia mais

O passado não importa
Mulher com decoteÉ melhor saber dos relacionamentos do passado de alguém ou ficar na ignorância? Tem certas coisas que é melhor não saber, o passado de uma mulher é uma delas Leia mais

Comentários

Powered by Facebook Comments

Se cadastre para receber as atualizações por e-mail

* indicates required



/

( dd / mm )

Sexo e relacionamento – Frequência dos e-mails

Carreira e cotidiano – Frequência dos e-mails

Comportamento – Frequência dos e-mails

Educação e saúde – Frequência dos e-mails

Política e religião – Frequência dos e-mails

Comunicados oficiais – Frequência dos e-mails

Presença Online – Frequência dos e-mails


Comentários

comentários