Lentes de contato coloridas. Preciso escrever mesmo?

Oi Urso, demorei a te escrever porque primeiro fiz tudo o que era possível e imaginável para entender o que está acontecendo. Estou procurando trabalho há dois anos e não consigo passar da segunda entrevista. Sou bem feita, tenho 1.74m, corpo violão, loira (daquele jeito, né), olhos azuis (comprados, mas são meus), por onde passo sempre chamo atenção. Acredite, fiz de TUDO para ser contratada e não consegui, sempre me dizem que meu perfil não se encaixa na vaga. O que há de errado? Será que não me contratam porque sou bonita demais? Santinha

Oi Santinha, essa pergunta só pode ser fake, mas tudo bem, lentes coloridas sempre produziram em mim um sentimento ímpar e acho que a oportunidade de escrever sobre isso veio em boa hora.

Provavelmente alguém que usa esse tipo de lentes lê meu blog e já está mais que na hora de alguém falar a verdade sobre o tema: lentes coloridas é o ó do borogodó.

Existem algumas coisas que são de uso exclusivo de pessoas ícones, por exemplo, a tal calça saruel, só o MC Hammer pode usar, assim como roupa de oncinha é de propriedade da Rita Cadilac. Mas as tais lentes, não conheço ninguém que tenha tido coragem de emplacar.

Admito, sou preconceituoso, sim! Não consigo olhar um adulto com os olhos artificialmente coloridos e não nutrir nenhum tipo de preconceito.

Se é alguém que ainda não saiu da adolescência, há sempre um desconto, afinal, quem gosta de Restart está claramente precisando rever os conceitos, mas isso é natural, com o tempo passa.

Quando eu era pivete as meninas eram enlouquecidas pelos Menudos, depois teve New Kids On The Block e a partir daí parei de reparar para não ficar mais puto. Tudo passou e quem curtia essas coisas sente um pouco de vergonha ao cantar mentalmente versos de “Não se reprima”.

Para quem não se lembra ou não conhece, está aí embaixo a turma toda:


Menudos – não se reprima por pergunteaourso

Voltando ao tema principal, sua resposta, não sei se você reparou, mas já dei a entender que um dos prováveis problemas para sua não contratação pode ser o uso dessas lentes.

Não sei se todo selecionador olha isso, eu olho. Mas, espere um pouco… Acabei de perceber que você não colocou para qual vaga de trabalho você está se candidatando.

Isso muda muita coisa, por exemplo, eu não contrato ninguém que use lentes coloridas porque, geralmente, preciso de pessoas mais maduras e que valorizem mais o conhecimento do que a aparência.

Como não tenho bola de cristal para adivinhar os cargos pretendidos e ainda não me formei no meu curso de esoterismo a distância fica difícil dizer.

Eu conheço um cara que toparia lhe contratar… Salário alto, poucas horas de batente, necessita de gente com muita disposição, que chame a atenção e que consiga fazer de TUDO. Foi assim que Bruna Surfistinha começou! Ok, ela não usava lentes coloridas, mas acho que se usasse os clientes também não iriam se importar.

Posso estar sendo malicioso demais, porém não acho normal alguém que está procurando emprego me dar somente características estéticas e nenhuma comportamental.

Já ouvi tantas histórias sobre o famoso teste do sofá que se fosse me lembrar de todas poderia trabalhar como vendedor de loja de móveis.

Se é esse “TUDO” que você se referiu na pergunta, sugiro que procure empresas desorganizadas para trabalhar. As grandes têm processos e controles de qualidade que impedem que o entrevistador privilegie alguém só porque lhe fez um boquete.

No final das contas, em 90 dias de experiência, o teste do sofá terá perdido seu efeito e o cara que te contratou por esse motivo estará com seu emprego ameaçado. Não vale a pena, para ele, arriscar o pescoço por bobagens. Ainda mais se essas bobagens aparecerem usando lentes coloridas!

Reveja a forma com que está apresentando o que você tem de melhor ou então procure um público que valorize suas “qualidades”. Beijo do Urso

Obs. Quanto a questão de ser loira (daquele jeito), me lembrei de uma música…


Leo Canhoto e Robertinho-A Historia de um Azarado por pergunteaourso

Comentários

comentários



Comentários

Powered by Facebook Comments

Se cadastre para receber as atualizações por e-mail

* indicates required



/

( dd / mm )


Sexo e relacionamento – Frequência dos e-mails

Carreira e cotidiano – Frequência dos e-mails

Comportamento – Frequência dos e-mails

Educação e saúde – Frequência dos e-mails

Política e religião – Frequência dos e-mails

Comunicados oficiais – Frequência dos e-mails

Presença Online – Frequência dos e-mails


Comentários

comentários